Auxilio emergencial 2021 começa a ser pago em abril e terá novas regras

A Secretaria Municipal de Assistência Social informa que nesta quinta-feira, 18, o presidente da República, Jair Messias Bolsonaro, assinou a medida Provisória nº 1.039, que institui o Auxílio Emergencial 2021. Serão quatro parcelas mensais de R$ 250, em média, a serem pagas a partir de abril.

“O Auxílio Emergencial 2021 será limitado a uma pessoa por família, sendo que mulher chefe de família terá direito a R$ 375, enquanto a pessoa que mora sozinha receberá R$ 150”, explica Nadir Blefari, Secretária Municipal da Assistência Social.

O novo benefício terá três valores diferentes, o qual será julgado conforme a composição familiar.

Veja quais grupos específicos receberão cada valor.

  • Parcela de R$ 150: Será pago as famílias compostas por um único membro e será liberado para 20 milhões de famílias.
  • Parcela de R$ 250: Será pago para as famílias compostas por dois ou mais membros e será liberado para 16,7 milhões de famílias.
  • Parcelas de R$ 375: Será pago para as famílias onde as mulheres são as únicas provedoras do lar e será liberado para 9,7 milhões de famílias.

Quem pode receber

– Trabalhadores informais;  

–  Desempregados;

– Microempreendedores individuais (MEI); 

– Contribuinte individual da Previdência Social;

– Famílias com renda per capita de até meio salário mínimo (R$ 550) e renda mensal total de até três salários mínimos (R$ 3.300);

– Para o público do Bolsa Família, segue valendo a regra quanto ao valor mais vantajoso a ser recebido entre o programa e o auxílio emergencial 2021;

– Os integrantes do Bolsa Família receberão o benefício com maior parcela;

Mais informações: http://bit.ly/3s3f15Q #IssoÉCidadania

DEIXE COMENTÁRIO

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *.

WhatsApp chat
%d blogueiros gostam disto: