Realização de cultos e missas é suspensa, mas templos podem ficar abertos.

O governo de São Paulo anunciou a fase emergencial, que prevê regras mais rígidas de funcionamento da fase vermelha da quarentena.  A gestão de João Doria suspendeu a liberação para realização de cultos, missas e outras atividades religiosas coletivas. O vereador Edinho, que é pastor da Igreja do Evangelho Quadrangular, fala sobre essa decisão do governo.

OUÇA A REPORTAGEM

DEIXE COMENTÁRIO

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *.

error

Enjoy this blog? Please spread the word :)

Instagram
WhatsApp chat
%d blogueiros gostam disto: