No Dia Nacional da Mamografia, relatório mostra que a quantidade de exames realizados diminuiu

Realização de exames de mamografia diminui 62 vírgula 21 por cento, entre março e setembro de 2020.

A redução foi divulgada pelo último relatório do Radar do Câncer, realizado pelo Instituto Oncoguia em parceria com o DATASUS.

A importância do exame na prevenção do câncer de mama é lembrada pelo Dia Nacional da Mamografia, comemorado em cinco de fevereiro.

Ele possibilita que sejam identificadas alterações suspeitas, para o diagnóstico precoce desse tipo de câncer.

Mesmo quando não há sinais ou sintomas da doença, é importante que as mulheres façam o rastreamento.

No exame, a mama é comprimida entre duas placas de acrílico, para permitir uma melhor visualização das estruturas.

A Organização Mundial da Saúde recomenda que a mamografia seja realizada uma vez a cada dois anos, entre os 50 e os 69 anos.

No Brasil, a orientação da Sociedade Brasileira de Mastologia é que o exame seja feito anualmente, a partir dos 40 anos.

Para as mulheres com casos de câncer de mama na família, o acompanhamento médico deve começar aos 30 anos.

O Instituto Nacional do Câncer estima que entre 2020 e 2022, 66 mil novos casos da doença devem surgir por ano no País.

Não deixe para depois, faça o exame, previna-se.

DEIXE COMENTÁRIO

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *.

error

Enjoy this blog? Please spread the word :)

Instagram
WhatsApp chat
%d blogueiros gostam disto: