Em setembro ocorreram dois aumentos e em outubro está previsto mais um. Essa é a rotina do mercado do gás de cozinha, que reajusta os valores em períodos cada vez mais curtos. De acordo com Francisco Félix Mano Neto, proprietário da empresa Mano Gás em Assis, os consumidores devem ficar atentos com possíveis fraudes no produto.

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *.

WhatsApp chat